Notícias

  • Diminuir fonte
  • Fonte normal
  • Aumentar fonte
  • Adicionar a favoritos
  • Imprimir
  • Enviar para amigo
  • Adicionar RSS

15/09/2017  | Oncologia

FDA aprova primeiro biossimilar para câncer

biossimilarO FDA, agência norte-americana de vigilância sanitária e medicamentos, aprovou essa semana o primeiro medicamento biossimilar para o tratamento de câncer, o bevacizumab-awwb (Mvasi) , equivalente ao bevacizumab (Avastin), indicado apara vários tipos de neoplasia, como câncer colorretal metastático, glioblastoma ecâncer de pulmão e rim.

O custo das novas drogas contra o câncer sobe a cada ano e uma das maiores apostas para mudar esse cenário inflacionado é a introdução dos biossimilares. Esses medicamentos são drogas biológicas altamente semelhantes aos medicamentos inovadores, mas produzidas a partir de  organismos vivos, como células de bactérias.

Os estudos clínicos com biossimilares têm crescido muito nos últimos anos. Existem mais de 500 drogas em desenvolvimento no momento e pelo menos 11 potenciais biossimilares buscando aprovação do FDA. O mercado global para o setor, que era de 1,3 bilhão em 2013, deve alcançar 36 bilhões de dólares em 2020 de acordo com previsões da Allied Market Research.

Mas as agências reguladoras e vigilâncias sanitárias pelo mundo ainda trabalham para definir com mais precisão as regras para a produção e aceitação de biossimilares. O oncologista clínico do grupo Oncologia D’Or Gilberto Amorim, vê o avanço das pesquisas desse tipo de medicamento como uma oportunidade única de ampliação de acesso, mas pontua que apesar de similares, eles não nunca serão iguais às drogas originais e merecem estudos  cuidadosos antes da incorporação.

“A expectativa é de que estes biossimilares possam reduzir o custo em 30 a 40%”, afirma. “Existem dados clínicos cada vez mais robustos, e os países estão cada vez mais aceitando o uso. No Brasil não será diferente, o que facilitará o acesso.”

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks

Pesquise no site

Agenda de Eventos

outubro
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031EC

Enquete

Qual sua opinião sobre a compra pelo Ministério da Saúde da asparaginase chinesa?


Loading ... Loading ...

Seções

Edição atual

CAPINHA_ED.36

Onco& Ano VII – Ed. 36

Capa:
ASCO, da atenção básica à alta tecnologia
Entrevista:
Daniel Hayes, presidente da ASCO, defende estratégias para reduzir as disparidades no manejo do câncer pelo mundo e considera inaceitáveis as diferenças no tratamento em cada região
Gestão:
Tecnologias digitais ajudam a reduzir custo e melhoram qualidade do atendimento
Discussão de Caso:
Tratamento multidisciplinar de um adenocarcinoma no endométrio

Preencha os campos abaixo para enviar esta página

:
:
:
: